A Casa de Ana

Diretores: Clara Ferrer e Marcella C. De Finis

Estado: RJ

Gênero: Ficção

Faculdade: Universidade Federal Fluminense

Sinopse: Aos onze anos de idade, Ana foge em circunstâncias enigmáticas e, sem outra opção, se abriga na república onde sua irmã mais velha mora com outras três jovens mulheres. Entre pias de louça suja, pacotes de macarrão instantâneo, purpurina colorida, garrafas de cerveja e filmes suecos, Ana aprende algumas importantes lições. E ganha, no processo, uma nova família.


Ficha Técnica:

Direção: Clara Ferrer e Marcella De Finis

Roteiro: Clara Ferrer

Elenco: Melina Matos, Tainá Bevilacqua, Nua del Fiol, Laura de Castro, Camille Leite, Fernanda Pieroni, Bernardo Tavares

Assistência de Direção: Bia Lima e Bruno Ferrari

Continuidade: Guilherme Bianco

Preparação de elenco: Joana Caetano

Produção executiva: Sérgio Magraner

Direção de produção: Chanice, Renato Schuenck, Sérgio Magraner

Assistência de produção: Rebeca Hertzriken

Plato: Gustavo de Almeida

Direção de fotografia: João Victor Borges, Mariana de Melo, Tassiana Catein

Assistência de fotografia: Laura Jeunon

Still: Antonio Teicher

Direção de arte: Tatiana Delgado

Production designer: Elisa Bueno

Figurino: Lua Guerreiro

Assistência de arte: Clara Gervásio

Projeto gráfico: Constantin de Tugny

Técnico de som: Gustavo Silveira

Microfonista: Adriana Sally

Montagem: Gabriella Billwiller

Edição de som e mixagem: Pedro Drumond

Trilha original: Luiza Sales e Marcelo Saboya

 

Ano de Produção: 2017

Duração do Filme: 19:47

Minibio do diretor (es):

Clara e Marcella realizaram juntas o seu primeiro curta-metragem, Seria melhor se você tivesse morrido, e imediatamente depois A Casa de Ana, contemplado pelo edital de apoio ao curta universitário Elipse 2016-2017 e adquirido para exibição pelo Canal Brasil. No meio tempo, investiram também em projetos solo. Trabalhando mais frequentemente com produção, assistência de direção e roteiro, Clara foi contemplada em 2016 com uma menção honrosa no I Prêmio Rio de Literatura, tendo tido uma coletânea de contos de sua autoria publicados pela Editora Garamond. Enquanto isso, Marcella trabalhou na conferência SIGGRAPH 2014 em Vancouver, foi agraciada com uma bolsa de iniciação científica no CNPq para a pesquisa “Mulheres Atrás das Câmeras” e participou dos cursos de Roteiro e Escrevendo para as Telas na Universidade de Nova Iorque. Trabalhando em seus primeiros filmes solo, Tempo de romãs e A incrível história do homem desalmado, a verdade é que as duas mal podem esperar para dirigir juntas novamente.

Mostra: Festuni